icon facebook top  icon twitter top icon linkdin top   icon instagram top icon youtube top 

    “Dia da Responsabilidade Social” será neste sábado em Cascavel

    Projeto começa às 8h e vai até 13h com 15 oficinas no Bairro Santa Cruz Final de semana. Três palavras, treze letras e uma comoção: quem é que não aguarda ansiosamente a chegada do sábado para exercer o chamado “ócio do ofício”? Bem, nem todo mundo. Às vezes a vontade em ajudar, de proporcionar ao semelhante algo que ele não possui rotineiramente mobiliza alguns cidadãos a acordar cedo e abdicar do descanso. Essa é a motivação das cerca de 400 pessoas que irão promover o Dia da Responsabilidade Social em Cascavel a partir das 8h da deste sábado, (15) no Bairro Santa Cruz. A iniciativa ocorre na paróquia da comunidade, na Rua Nhambiquaras, nº 1083.

    O projeto é realizado a nível nacional, desde 2005 intermediado pela ABMES (Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior). Por meio da portaria nº 1 do dia 29 de março daquele mesmo ano, a associação objetiva organizar anualmente, num só dia, uma amostra dos projetos sociais em áreas como cultura, educação, meio ambiente, saúde, entre outros, que as instituições de ensino promovem durante todo o ano.

    Na capital do oeste paranaense, quem faz o desenvolvimento dessa iniciativa é o Centro Universitário Univel. “Todos os cursos da instituição estão envolvidos de alguma forma com esse movimento, atendendo cerca de 500 crianças e um grande número de idosos também”, destaca a responsável pela ação, Elaine Wilges.

    Já é o segundo ano consecutivo que o dia de responsabilidade vai ser realizado no Bairro Santa Cruz. “Nós vimos que teve uma adesão muito grande e entendemos que tínhamos que voltar”, explica Elaine. A faculdade atua com 15 oficinas e projetos no local, com medidas abrangendo, por exemplo, desde a orientação e assistência jurídica até o aproveitamento integral dos alimentos.

    É também para propiciar uma experiência diferenciada da sala de aula aos acadêmicos que a iniciativa ocorre. “A primeira vez, eu fui chamado para fotografar. Então a gente chega lá com o olhar bem cru, nunca teve contato com aquilo tudo”, revela Everton Schmidt, acadêmico de jornalismo que já participou de duas edições do projeto.

    Fonte: O Paraná

    selo 35anos com logo negativa gradiente 

    SHN Qd. 01, Bl. "F", Entrada "A", Conj. "A" 
    Edifício Vision Work & Live, 9º andar - Asa Norte - Brasília/DF - CEP: 70.701-060
    Fone: (61) 3322-3252 - Fax: (61) 3224-4933
    E-mail: abmes@abmes.org.br